Nada a Declarar

27 08 2009

escrever

Hoje eu não vou escrever. Estou tão cansada que não consigo pensar em mais nada que não seja ver a novela e dormir. Não, não tenho nada de novo pra contar além do que já foi dito e escrito aqui. As dores e os amores e lá vai choradeira, vocês já conhecem de cor. Talvez eu ande no meu inferno astral e não esteja muito sociável ultimamente. As idéias loucas também resolveram me abandonar e já faz algum tempo, falaram que era só por alguns meses, pra eu poder descansar todo stress de final de curso. Mas até agora não voltaram. E eu tenho um pouco de medo, pois dependo delas pra sobreviver, tomara que elas leiam isso e voltem, pelo menos, para me dar alguma satisfação. Mas eu não quero falar sobre isso, ok?

Hoje eu estou decidida, não vou escrever. Não tenho idéias, nem inspiração. Também não quero escrever aqueles textos sentimentais que toda mulher adora, apesar de ter todos os motivos pra escrever um desses. Por isso vou ficar quietinha aqui, sem dizer nada. Mesmo me achando estranha assim. Eu que falo pelos cotovelos, não quero falar. Será que estou ficando doente? Isso pode explicar a minha dor de garganta. Mas, tudo bem. Vou ficar aqui em silêncio e logo vai passar. E antes que vocês fiquem tristes porque eu não comentei em seus blogs, me desculpem, é que eu ando tão exausta que não consegui escrever lá também. Mas eu li. Tudo e todos. Pode acreditar. Mas é que hoje eu não quero falar. Só hoje.

Anúncios

Ações

Information

7 responses

27 08 2009
Tatah

Mesmo você não querendo falar, o texto ficou lindo.
Em nossas vidas passamos por várias fases. E o que você está passando agora é uma fase também, se é ruim ou não, cabe a você saber aceitar e esperar por uma fase nova.

Beijos

27 08 2009
Sérgio Filipe

Esse marasmo de não idéias está acontecendo com muita gente. Nas conversas com nossos colegas percebo o quanto cada um está perdido, sem respostas, soluções, simplesmente conformados, pois como dizem, “é assim que tem que ser”.

Tomara que a Tatah esteja certa, que isso seja somente uma fase, eu torço para que seja isso, por mim, por você e todos aqueles que tão bem conhecemos.

27 08 2009

Ok, quem não quer comentar agora sou eu. Não tenho o que falar, não tenho o que dizer mas, assim como você, eu também li e leio tudo e todos.
Não é por acaso que somos “batatas”… eu realmente entendo esse lado “quietinha”, e é assim que eu tô hoje, e ontem, e semana passada…
simples assim. Ficar quietinha pode ser tão bom quanto falar pelos cotovelos. Mas cansa. E eu cansei. Nós casamos. Agora, é esperar, daqui a pouco passa.

28 08 2009
mari

é que desabafo para quem não queria falar nada falou bonito
lindo texto \o/
Beijinhos

29 08 2009
Léo

eu tenho um nome pra isso…. começa com CAR acaba com ENCIA…

hoohohhooohoohooh

agora tá no meu reader 😉

Bjo

29 08 2009
Léo

Só hoje, então! O bom é que mesmo em um momento deprê-de-não-vou-escrever-nada os seus textos ficam ótimos.
Ah, e agora que as ideias loucas leram isso, com certeza vão voltar. Se eu fosse elas, voltaria. hahaha

Beijos

29 08 2009
Dupla em Crise

Léozinho, isso se chama CANSADA! hauhauah

Léo, tomara que elas voltem mesmo. NOW!

😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: