Nada a Declarar

27 08 2009

escrever

Hoje eu não vou escrever. Estou tão cansada que não consigo pensar em mais nada que não seja ver a novela e dormir. Não, não tenho nada de novo pra contar além do que já foi dito e escrito aqui. As dores e os amores e lá vai choradeira, vocês já conhecem de cor. Talvez eu ande no meu inferno astral e não esteja muito sociável ultimamente. As idéias loucas também resolveram me abandonar e já faz algum tempo, falaram que era só por alguns meses, pra eu poder descansar todo stress de final de curso. Mas até agora não voltaram. E eu tenho um pouco de medo, pois dependo delas pra sobreviver, tomara que elas leiam isso e voltem, pelo menos, para me dar alguma satisfação. Mas eu não quero falar sobre isso, ok?

Hoje eu estou decidida, não vou escrever. Não tenho idéias, nem inspiração. Também não quero escrever aqueles textos sentimentais que toda mulher adora, apesar de ter todos os motivos pra escrever um desses. Por isso vou ficar quietinha aqui, sem dizer nada. Mesmo me achando estranha assim. Eu que falo pelos cotovelos, não quero falar. Será que estou ficando doente? Isso pode explicar a minha dor de garganta. Mas, tudo bem. Vou ficar aqui em silêncio e logo vai passar. E antes que vocês fiquem tristes porque eu não comentei em seus blogs, me desculpem, é que eu ando tão exausta que não consegui escrever lá também. Mas eu li. Tudo e todos. Pode acreditar. Mas é que hoje eu não quero falar. Só hoje.

Anúncios