Hoje não!

29 05 2009

blog

Hoje eu acordei com vontade de pegar aquele ônibus lotado às 7h00, de falar na internet com pessoas do outro lado do mundo, da outra cidade, da outra sala ou da mesma sala. De almoçar com o chefe legal, com os amigos legais, olhar as vitrines, comprar besteiras ou não comprar nada. De rever os amigos, ir pra faculdade, conversar na aula, correr atrás dos professores pelo corredor.

Hoje eu acordei com vontade de sair por aí, sentir o vento trazer o inverno. De ler aquele livro da prateleira, ver aquele filme que o mocinho morre no final, receber aquele abraço apertado. Acordei com vontade de ligar pra conversar ou não falar nada, de sair para dançar ou apenas observar. De fazer caminhada, quem sabe academia, correr na beira-mar, ou somente olhar o mar.

Hoje acordei com vontade de arrumar a casa, fazer um bolo com cobertura de chocolate, escutar aquela música boa, ver a novela, deitar na rede e ver as estrelas. Acordei com vontade de viajar, conhecer os lugares mais lindos, abraçar o mundo com meus braços e depois voltar. Acordei com vontade de fazer tudo e não fazer nada. Tá frio lá fora, não vou levantar.

Anúncios




A Pepsi sorriu para você?

23 05 2009

Kelly isso é um assalto, me passa a senha e fique calada, o post de hoje é meu! Brincadeirinha, eu tenho a senha também né dupla. Bom, como viram o post de hoje é por minha conta, e assim como todo publicitário ligado nas novidades, trago uma grande para vocês e faço uma pergunta: a Pepsi também sorriu para você? É, pra mim ela sorriu hoje, sim bem na esquina da minha rua. Tudo começou numa simples saída de casa pra ir à farmácia comprar mais remédios, dois dias de cama com gripe não é fácil, enfim, isso não vem ao caso, já estou melhor agora. Voltando ao assunto “Pepsi”, bem na entrada de minha rua tem uma pizzaria, muito boa e cara por sinal, e há algum tempo estava sem a placa do fornecedor na frente, que no caso era o Guaraná Antarctica, que vontade de comer pipoca. Hoje quando estava passando pela frente vi a placa nova, e ela sorriu para mim, quer dizer, a nova logo da Pepsi sorriu.

Não sei se todos já tinham visto sua nova logo e fonte da marca, eu pelo menos não tinha visto e fui pesquisar sobre essa nova logo sorridente, e não é que acertei. A marca está passando por um processo de revitalização, devido a uma crise vivida pela empresa, com isso sua nova logo sugere um sorriso. Além disso, esse processo inclui também mudança de embalagens de várias marcas da empresa. Estima-se que o valor de todo esse investimento seja em torno de 895 milhões de euros.

É, tadinha da Pepsi, está passando por momentos difíceis, e resolveram transmitir alegria com sua nova logomarca com um sorrisinho sacana, ou estariam rindo de sua própria desgraça?. A seguir, um vídeo com a evolução de todas as logos da Pepsi até hoje, e a foto da antiga e da nova logo. E então, o que acharam? Eu sinceramente achei simpática a idéia, mas não gostei!

 

 

Pepsi_logos

A evolução

Antiga e atual

Logo antiga e atual

DSC00836




Maldita experiência necessária

20 05 2009

Justos

Word aberto em branco e eu queria escrever tudo o que eu sinto aqui dentro. Poderia falar sobre as decepções e as alegrias, sobre as dores e os amores, sobre você e sobre mim. Mas eu não posso porque não tenho experiência. E nessa vida, se você não tem experiência, você não tem nada. Então, eu não tenho nada. Eu tenho um Word em branco, mil idéias na cabeça, vontade de colocar em prática tudo o que eu já aprendi, e aprender mais. E mesmo assim, eu não tenho nada.

Eu tenho 21 anos e uma vida inteira pela frente, capacidade suficiente de distinguir o certo do errado, o bom do ruim, o que deve e o que não deve ser feito. Talvez ainda tenha muita coisa que eu não saiba, mas e o que eu sei não conta? Só porque eu não tenho experiência profissional, não significa que eu não tenha nada, ou que eu não saiba nada. Eu sei sim, e sei muito. E sei que não decepcionaria. Sei que me empenharia e que daria o melhor de mim. Como em tudo o que faço. Com ou sem experiência.

Nos últimos tempos a única situação que não me pediram a bendita foi numa cantada, onde o carinha foi bem generoso quando disse “eu não quero experiência, eu quero você”. Ainda bem, pois se ele quisesse experiência, mais uma vez eu não a teria. E diante disso eu pude perceber que não é a experiência que me falta, o que me falta é a oportunidade. É alguém que não deseje somente experiências, mas que me queira como profissional. Que acredite na minha capacidade, assim como eu acredito. Que acredite na metade desta turma de recém formados, assim como eu acredito.

Pois eu tinha um Word em branco e agora eu tenho um texto, e eu não precisei de experiência para começar a escrever. Precisei de vontade. Simples assim.





Homenagem aos pais

18 05 2009

É, a formatura foi dia 09/05, mas ainda estamos no clima, e para completar vamos postar uma linda homenagem aos pais feita no culto ecumênico por nossas amigas Daiane Manoel Ricardo e Kelly Letícia Veiga, além disso, um vídeo de homenagem gravado por todos os formandos com texto da nossa amiga Débora da Rosa. Segue o texto da homenagem:

Antes de mais nada, gostaríamos de convidar os formandos a ficarem ao nosso lado para prestar esta homenagem aos pais. Que vocês façam suas, as nossas palavras.

Bom, hoje estamos aqui com a complicada tarefa, que não deixa de ser prazerosa, de homenagear nossos pais. Com um simples “muito obrigado” vocês se sentiriam agradecidos. Porém, a nossa gratidão é bem maior que isso, tornando complexo encontrar palavras e colocar em frases a maneira mais completa de expressar nossos agradecimentos.

Vocês foram nossos primeiros professores, nossos primeiros educadores, com o dever mais difícil: o de criar um filho. E se tratando dessa turma, com certeza deve ter sido BEM difícil mesmo. Nos ensinaram as primeiras palavras, os primeiros passos, os princípios e valores necessários para crescer. Vocês nos ensinaram a base de tudo. Talvez nós não soubemos agradecer a altura, por todo esse sentimento incondicional, pelas noites mal dormidas que causamos, pelas preocupações, pelas dores de cabeça e por precisar tanto de vocês. Talvez não admitimos que precisamos tanto de vocês.

Estamos aqui para dizer que reconhecemos o apoio, o amor e o carinho, que por toda nossa vida sempre foi e será o mais verdadeiro e infinito. Para dizer que somos eternamente gratos pelo colo, o ombro amigo, os ouvidos e os conselhos, que sempre estiveram ali, mas por motivos tolos acreditamos algumas vezes não precisar dele. Somos gratos pelas palavras, aquelas que por muitas vezes não quisemos ouvir, aquelas que vinham em forma de bronca. A bronca por voltar tarde da festa, a bronca por deixar o TI pra ultima hora a bronca por não querer fazer a lição de casa ou a bronca para dormir cedo quando nos viam fazendo TCC de madrugada.

Queremos agradecer a paciência despendida por todo esse trajeto e a impaciência também. Talvez a impaciência fosse mais da nossa parte, mas vocês como sempre, nos aturaram e nos entenderam.

Enfim, somo gratos por toda a dedicação. Quem sabe vocês sonharam com filhos médicos, advogados, administradores… mas a gente escolheu publicidade. E mesmo assim, não deixaram de acreditar no nosso potencial, perceberam realmente que esta é a nossa vocação. Hoje temos certeza que acertamos na escolha. E vocês também.

Tudo o que falamos não foi e nem será o suficiente para demonstrar o tamanho do nosso amor! Então, recebam agora nossos sinceros agradecimentos!

 

 

 

 





Bacharelados

12 05 2009

 

Obviamente que o post de hoje não poderia ter outro assunto se não formatura. Não tenho nem palavras pra descrever como foi e muito menos por onde começar. Quem sabe, pelo culto ecumênico, que foi na sexta (08/05), chegamos lá e já estavam todos apavorados e não preciso dizer que nem dentro da igreja essa turma sossega. A homenagem aos pais no culto ficou por minha conta e da nossa amiga Daiane Manoel Ricardo, e pelo visto fizemos um bom trabalho, quando olhei pro lado o povo se acabava em lágrimas. Foi lindo. Sem contar que o Diácono Ricardo (celebrante) também é uma figura, e fez um culto bem descontraído.

culto8

No sábado (09/05) as tarefas começaram cedo, pelo menos para as meninas que sabem muito bem do que estou falando. A galera no multiuso não sabia nem pra onde olhava, como se colocava a faixa da beca, como coloc41ar o capelo sem estragar o cabelo, tava um vuko-vuko naquele camarim. Aí chegou o Mario Motta, nosso mestre de cerimônia, o que nos deixava claro que estava quase começando, e é nessa hora que começa a dar todas as dores possíveis, dor de cabeça, dor no estômago, filas no banheiro e etc. E começou. E esperávamos ansiosamente pelo lado de fora. E entramos. E me apavorei ao ver tanta gente! E mais uma vez, foi tudo lindo. De todas as homenagens, não posso deixar de comentar a que eu, particularmente, mais amei – que foi a homenagem aos amigos, feita por nossas amigas Caroline Fernandes e Renata Marques. Segue o texto das meninas:

O dia de hoje representa o sucesso conquistado durante os 4 anos de faculdade, onde cada um de nós foi protagonista dessa história.

Tudo começou com uma turma de calouros que tinha muita energia que dá gosto. Poucos se conheciam, mas isso não foi um problema para uma turma de futuros publicitários, afinal a primeira impressão é a que fica.

As amizades foram surgindo através dos grupos de afinidade e de trabalho. Eram núcleos criativos que bolavam 50 e uma boas idéias por segundo. Muitas vezes não era aquela Brastemp… mas valia por um bifinho…  e o fenômeno não parava de crescer.

E quando essa turma tava cansada de produzir mais e mais layouts, nada adiantava! Porque… imagem não é nada, sede é tudo!

Esse era o melhor local para desestressar: o bar da esquina.

Podia ser aquela que desce redondo ou aquela outra que refresca até pensamento… ou seja, cerveja.

A PRIMEIRA FAZ TCHAN,  A SEGUNDA FAZ TCHUN E A TERCEIRA…TCHAN TCHAN TCHAN TCHAN!!!

Nossos mestres foram os principais responsáveis pelo resultado alcançado no dia de hoje. Com muita paciência e determinação, eles nos transmitiram todo conhecimento necessário para que nos tornássemos verdadeiros profissionais. Tem coisas que só um professor faz por você.

Aprendemos muito uns com os outros, e mesmo havendo muitos desentendimentos por conflitos de idéias … A gente conversa, a gente se entende.

Esses 4 anos vão deixar muitas saudades.

O tempo passa, o tempo voa e a poupança bamerindus contunua numa boa. Foram amizades conquistadas, boas gargalhadas e muitos ensinamentos adquiridos… Ace toda turma fosse assim.

E a trajetória não para por aqui. No fim, podemos dizer que tudo valeu a pena e que amamos muito tudo isso, concluindo com sucesso mais esta etapa de nossas vidas e sabendo que daqui pra frente a meta é Viver Sem Fronteiras.

33

Deu pra notar como foi demais, né? Cada minuto ali, mais que especial aqui.

37

Aí teve o baile, e convenhamos, QUE BAILE! Não querendo ser repetitiva e já sendo, estava tudo lindo! A decoração estava linda, os formandos estavam lindos, os convidados, os professores, a banda, estava tudo perfeito. A turma como sempre, não se separou. Valsamos, brindamos, tomamos banho de champagne, subimos no palco, cantamos no microfone e muito mais. E quando todos pensaram que acabou, eis que entra a bateria da escola de samba Copa Lord, dando continuidade a nossa festa. Não vi ninguém parado, todo mundo se acabou no samba. Chamaram dois representantes da turma pra sambar no palco e, óbviamente, não foi só dois, mas sim quase a turma inteira. O carinha do som apavorado, mandando o povo descer antes que colocássemos o palco a baixo, e quem disse que descemos? Estavamos tão felizes, que até se o palco caísse não pararíamos. Foi simplesmente a melhor formatura de todos os tempos! E não é só pelo fato de ter sido a nossa formatura, mas TODOS os convidados estão dizendo o quanto amaram.

31

E assim, terminamos (sim, eu e o Maikon) o post agradecendo as pessoas que se empenharam para que tudo ocorresse desta maneira: a comissão. Vocês com certeza fizeram um excelente trabalho. E queremos agradecer em especial, a nossa amiga da turma, Simone dos Santos, que é mais que a amiga da turma, já é considerada a mãe da turma, que se dedicou de mais, se estressou de mais, se esforçou de mais, se deu de mais, para que tudo fosse tão maravilhoso assim. Valeu por tudo, Mone, com certeza não seria perfeito se você não estivesse no comando!

 “Mas isso não impede que eu repita: É FUDIDA, É FUDIDA E É FUDIDA”

46





São tantas emoções

6 05 2009

 

Oi gente, sei que estamos em débito aqui, que já faz uma semana desde o ultimo post e que vocês ficam a espera do próximo, assim como eu fico a espera das atualizações dos blogs que sou fã. Eu não vou dizer que falta inspiração, porque até que a dupla anda muito inspirada ultimamente. Não vou dizer que é falta de tempo, pois estaria mentindo, tempo nós temos de sobra. Mas o que realmente não nos tem deixado atualizar o blog em questão, é a tal da formatura. A ansiedade pela tão sonhada colação de grau, tem tirado o sono de muitos formandos, inclusive o meu. Cheguei a sonhar que meu cabelo tinha ficado horrível e que não dava tempo de arrumar. Minha amiga sonha que está tropeçando e caindo, se enrolando nos fios. A outra não sabe como vai entrar com a luz do holofote cegando-a. E por aí vai.

E por mais que esteja tudo certo, sempre parece que está faltando algo. Os detalhes não passam despercebidos. Escolher o brinco foi mais difícil do que escolher o vestido. As preocupações não param e os pensamentos não dão trégua. Cada hora que passa o coração bate mais forte e dá uma mistura de emoções. É felicidade, é ansiedade, é nervosismo, é um sentimento sem nome, mas que aperta o peito. É uma saudade que já toma conta.

Saudades dos amigos, da turma, dos professores, dos corredores, do bar da tia, dos e-mails, das festas. E falando em festa, a nossa última (antes da formatura) foi patrocinada pelo melhor orientador do mundo Paulo Pedroso e pela melhor banca do mundo Márcia Alves, e ainda tivemos a presença de outros mestres como Nicolas Caballero, Mirella Vegini, Túlio Henrique e Diego Moreau (que fez a sua visita de médico no final da festa). É, vai ser difícil conter as lágrimas no dia nove. A saudade aumenta só de lembrar.

festa

E sem mais melancolias, eu terminaria o post com um vídeo da festa, se o nosso amigo youtube permitisse-nos a postagem com a trilha escolhida. Mas tudo bem, resolveremos e postaremos logo mais! Terminarei o post com o vídeo, apesar de a trilha não ser a escolhida pela dupla.

(Eu não sei o motivo de o vídeo não estar aparecendo, então segue o link direto do youtube!)